quinta-feira, 28 de julho de 2011

Sol, cadê você?

Cadê o Sol?
Sol...? Cadê você? Você foi embora? Por quê?
Logo agora que estava começando a ser feliz...
Sol que traz os meus amigos e faz minha adolescência ser eterna, volte. Por favor.
Sol que traz as pessoas de volta, volte... pois elas estão indo embora.
Sol que rompe as nuvens escuras e me faz confiar novamente, não vá embora.
Estou quase forte, estou quase capaz de caminhar com as minhas próprias pernas e não precisar mais de você, então por isso, fique mais um pouco.
Sol, faça o meu dia mais bonito, brilhe intensamente sobre mim. Não deixe as amizades acabarem e as fotos serem esquecidas no fundo de uma gaveta. Sol, faça dos momentos passageiros, uma eternidade.

Sol...

E-mail Del.ici.ous BlogThis! Technorati Compartilhe no Twitter StumbleUpon Compartilhar no Facebook Promova este post no orkut Share to Google Buzz

1 comentários:

lollyoliver disse...

Amei o post... Lindo!
http://lollyoliver.wordpress.com

Postar um comentário

Tem gente que só lê o título da postagem, mas não se dá ao trabalho de ler o restante, aí tem a audácia de vir aqui abaixo e comentar o que não leu. Tem coisa pior? Por favor, quando você for comentar em um dos meus textos, não ler apenas o título.

Pior do que não comentar, é comentar o que não leu.