terça-feira, 1 de maio de 2012

Motivos


Apresentem-me as causas e razões para eu ser como sou, seguir o que eu sigo e estar como eu estou. As razões e motivos para o que me acontece. Quero motivos para continuar sendo feliz, quero um estímulo, isso um estímulo! Eu quero que meus motivos racionais sejam maiores que os emocionais, eu quero ter motivos e razões para continuar pra sempre com meus princípios. Talvez a gente não precise de tantos motivos para continuarmos como somos, o motivo já está dentro de nós, já se encontra dentro de você. O motivo está no sol que brilha a cada manhã, no dia que nunca acaba, mas recomeça com o nascer da nova manhã, com o brilho das estrelas -que é o brilho do sol que não apagou mesmo de noite. Não precisamos de motivos ou provas para continuar acreditando no que acreditamos, precisamos reconhecê-los pois eles sempre estiveram conosco!




Para adicionar/ver comentários, clicar no título da postagem

E-mail Del.ici.ous BlogThis! Technorati Compartilhe no Twitter StumbleUpon Compartilhar no Facebook Promova este post no orkut Share to Google Buzz

4 comentários:

ana lucia nicolau disse...

Poxa, realmente, muito profundo....adorei seu texto que faz com que o leitor reflita sobre os motivos que fazem uma pessoa ser feliz sem ficar procurando o que não tem...parabéns...estou compartilhando com twitter e facebook....

Larissa disse...

Nossa, belo texto.
Parabéns

Mylla disse...

Acho que ninguém melhor do que tu pra encontrar esses motivos. É sério! E a imagem que tu usou no fim do texto é muito bonita. :)

:*

http://hey-london.net

B. disse...

Acho que você descreve tão bem a vida como ela é, e com um texto relativamente curto, o que me faz ver o quanto você é um bom escritor. As vezes a pessoa delonga o texto e não consegue expressar o que quer de fato (eu mesma, faço isso), no entanto, contigo é diferente. Sua objetividade, pra mim, é sua diferença como escritor.
Sobre o conteúdo, me identifiquei bastante. Acho que muitas vezes procurei por coisas novas, estímulos como você citou e acabei esquecendo de procurá-los dentro de mim mesmo. As vezes é algo velho, do passado que precisa ser aberto, para que despertemos a felicidade.
Principalmente essa frase "Eu quero que meus motivos racionais sejam maiores que os emocionais(...)", me fez pensar como se eu estivesse escrevendo, me definindo e manifestando meus desejos. Espero que cheguemos lá, que consigamos fazer com que isso permaneça, sempre, assim como nossos princípios, porque também não quero perder, os meus. Princípios são valiosos demais, para serem perdidos.
Sobre a imagem, cara onde tu encontra essas figuras? São lindas e são muito subjetivas. Tudo fica em uma bela harmonia.

Postar um comentário

Tem gente que só lê o título da postagem, mas não se dá ao trabalho de ler o restante, aí tem a audácia de vir aqui abaixo e comentar o que não leu. Tem coisa pior? Por favor, quando você for comentar em um dos meus textos, não ler apenas o título.

Pior do que não comentar, é comentar o que não leu.